Olimpíadas deve superar movimento da Copa no terminal Novo Rio

Olimpíadas 2016 RioOs Jogos Olímpicos que serão disputados no Rio de Janeiro, entre os dias 31 de julho e 19 de setembro deverão superar o número de passageiros recebidos pelo terminal Novo Rio, durante a Copa do Mundo. Se a expectativa da Concessionária Novo Rio se concretizar, pelo menos de 2,4 milhões de passageiros utilizarão uma das 230 linhas de ônibus disponíveis no local. Deste montante, 250 mil devem vir de outros países. O quantitativo é ainda maior, quando o país sediava a Copa do Mundo, em 2014 e a final do torneio acontecia justamente na capital carioca.  A rodoviária do Rio de Janeiro conta com sete linhas de ônibus internacionais e operação de 44 companhias rodoviárias, que se preparam para enfrentar uma grande demanda de usuários entre as semanas que haverá feriado, durante o evento esportivo. A previsão é de que os dias 5,18 e 21 de agosto estejam entre as datas de maior movimento no maior terminal rodoviária do Estado.

Viajantes estrangeiros

Quem utilizará o transporte rodoviário da cidade, irá se hospedar em cidades vizinhas da capital, ou aproveitará o torneio para conhecer outras regiões do Estado como municípios nas regiões dos Lagos e Costa Verde. A expectativa de compra de passagens rodoviárias para linhas de longa distância, envolvendo outros Estados, é pequena. A Concessionaria Novo Rio acredita que a maior concentração de turistas nacionais e internacionais será observada dentro do Estado. Para facilitar a vida de quem vem de fora do Brasil, o terminal rodoviário do Rio de Janeiro intensificará o atendimento do local com ampliação do quadro de atendentes bilíngues, no balcão de informações. Também terá uma cabine de atendimento exclusivo para quem não sabe falar o idioma português. A emissão dos bilhetes também será personalizada, sem contar que o gringo pode comprar a passagem pela internet e até parcelar com cartão internacional, através do site Quero Passagem. O setor de embarque da rodoviária do Rio de Janeiro terá um televisor de plasma ligado nas competições, durante o torneio.

Rodoviária de Salvador tem movimento intenso no feriado

rodoviária de SalvadorO terminal rodoviário de Salvador recebeu grande fluxo de passageiros, às vésperas do feriado de São João, no dia 22 de Junho. Muita movimentação de pessoas nas plataformas de embarque e dificuldade para adquirir o bilhete nos guichês, marcou o feriadão na capital. A Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Energia, Transportes e Comunicações da Bahia (AGERBA) ampliou o número de horários de ônibus da rodoviária de Salvador, disponibilizando 1700 horários extras, com os 540 que já são regularizados diariamente. Segundo a agência, as cidades do Recôncavo Baiano e litoral estão na lista das cidades mais procuradas, entre elas: Maragogipe, São Félix, Cachoeira, Santo Amaro, Santo Antônio de Jesus, Conceição do Almeida, Cruz das Almas Amargosa Senhor do Bonfim e Irecê, Itacaré, Ilhéus, Porto Seguro, Lençóis Palmeiras, Vitória da Conquista, Juazeiro, e Barreiras.

Mesmo com os horários alternativos, quem não reservou a passagem rodoviária com antecedência e foi ao terminal com a intenção de viajar por linhas interestaduais, viajou com atraso. É o caso da baiana Valéria Berruchi, 31, que tentou comprar a passagem para visitar Porto Seguro para embarcar na hora do almoço, mas com a fila só pôde reservar o serviço para o final da tarde. A AGERBA explica que nesses casos, a compra das passagens de ônibus pela internet colabora com a operação da rodoviária e traz mais tranquilidade ao passageiro, que pode escolher a poltrona e o melhor horário para viajar.

Aumento na procura por passagens

“No ano passado não estava assim”. Essa foi uma das frases mais ouvidas pelos passageiros, enquanto aguardavam o atendimento nos guichês. Para muitos, o aumento no procura pelo serviço rodoviário durante o feriado de São João foi inesperado e surpreendentemente maior, do que o ano passado. A preferência pelas passagens de ônibus também foi confirmada pelas companhias rodoviárias que operam no terminal rodoviário de Salvador. Pelo menos, um terço das operadoras comprovou aumento de 30% na demanda rodoviária, durante o feriadão.

Rodoviária de Manaus deve ser reformada antes das Olímpiadas

olimpiadas 2016Os manauenses esperam por melhorias na infraestrutura do terminal rodoviário de Manaus, antes da abertura dos Jogos Olímpicos, que acontecerão em agosto, no Rio de Janeiro. Segundo informações das companhias de ônibus que trabalham no local, a rodoviária da capital do Amazonas recebe mais de quatro mil pessoas por dia, sendo que deste total, pelo menos mil passageiros utilizam o serviço rodoviário para viajar sob linhas interestaduais (outros estados), com tendência de ampliação na demanda depois que a BR-319 entrar em operação. Apesar do prédio receber o maior fluxo de passagens da região, está longe de ter a melhor infraestrutura do Estado.

Para o Sindicato das Empresas de Fretamento o terminal de Presidente Figueiredo, Manacapuru e Itacoatiara  oferecem melhores condições de embarque e desembarque do que em Manaus. Atualmente, a rodoviária de Manaus conta o serviço regular de nove empresas de transporte rodoviário e uma ampla área comercial composta por 40 permissionários, que juntos exploram o espaço interno do terminal para vender comida, bebida, aparelhos eletrônicos e outros artigos. O custeio de algumas manutenções e troca de lâmpadas do terminal rodoviário vierem do grupo comercial, que agora espera mudanças com a reforma prometida pela Secretaria de Estado de Administração e Gestão (Sead), durante reunião com representantes do governo, donos das auto viações e os próprios permissionários.

O projeto não prevê a remoção do terminal rodoviário para outra área da cidade, haja vista que não há viabilidade financeira suficiente para esta mudança. Se não houver imprevisto pelo caminho, a rodoviária de Manaus deve ganhar novas portas de acesso na entrada e saída até o final de agosto. Além dos ajustes na entrada do terminal, o local irá sofrer alterações no estrutura e separação nas plataformas de embarque e desembarque. O primeiro passo é dar manutenção na iluminação, limpeza e segurança e melhorar o atendimento ao público, de uma forma geral. Uma das promessas é redistribuir as plataformas para quem chega e saí em ambientes diferentes.

Crise espanta 50 mil passageiros da rodoviária de Uberlândia

passageiro de onibusO terminal rodoviário de Uberlândia registrou queda de aproximadamente 50 mil embarques e desembarques, durante os cinco primeiros meses do ano. Com a crise, muita gente tem deixado as viagens de longa distância de lado. Pelo menos é nisso que acredita a maioria das companhias rodoviárias que operam na rodoviária da cidade mineira. A diminuição no fluxo de viagens de ônibus, registrado pelo Terminal Rodoviário Presidente Castelo Branco, representa um recuo de pelo menos 5,4% nas vendas das auto viações que operam em linhas interestaduais com saída de Uberlândia, quando é feito comparativo nas reservas do ano passado. Segundo dados da Triângulo Concessões (Tricon), administradora da rodoviária, 854 mil pessoas passaram pelas plataformas de embarque e desembarque do terminal de Uberlândia, durante 2016, enquanto que no ano passado, em maio, pouco mais de 900 mil usuários haviam acessado o local para viajar. Os dados também revelam que houve queda maior no número de embarques, em cerca de 6%, contra 4% nos desembarques registrados no local.

Saldo negativo

Além do prejuízo financeiro enfrentado pelas empresas de ônibus, a queda no número de embarques do terminal rodoviário trouxe outros pontos negativos para o setor. O corte de alguns horários de ônibus e destinos de baixa lotação é um dos reflexos dessa desconfortável realidade. A maior parte dos pedidos de interrupção temporária das operações, aprovadas pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), corresponde aos trajetos interestaduais. Também houve demissão de 11 funcionários que trabalhavam para uma companhia de ônibus, que cortou metade de suas operações no terminal rodoviário de Uberlândia, depois que a crise economia se instalou, no início de 2016. Para a Tricon, há falta de incentivos por parte do Governo, a carga tributária é alta e a concorrência com clandestinos atrapalha o movimento regular das viagens. As caronas organizadas por empresas também têm ganhado espaço entre aqueles que querem viajar pagando pouco pelo transporte.

Feriado prolongado leva 40 mil pessoas à rodoviária de Salvador

terminal rodoviário de SalvadorA rodoviária de Salvador recebeu cerca de 40 mil passageiros, durante o feriado de Tiradentes, comemorado no dia 21 do mês passado. Com a folga no trabalho, milhares de baianos decidiram reservar as passagens rodoviárias para fugir da capital. O aumento nos embarques fez com que o terminal rodoviário da cidade disponibilizasse mais 100 horários de ônibus, dos mais de 500 que já funcionam regularmente no local. As linhas de ônibus extras levaram os passageiros para municípios do interior do estado baiano, desde a véspera do feriado. Quem decidiu botar o pé na estrada e ficar longe da TV, comprou as passagens de ônibus com antecedência. Os destinos mais procurados se misturaram entre as localidades de Porto Seguro, Itacaré, Ilhéus, Itabuna, Vitória da Conquista, Barreira, Chapada Diamantina. O levantamento foi divulgado pela Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Transportes, Energia e Comunicação (Agerba). Segundo o Quero Passagem, site de venda de bilhetes rodoviários, a Região Metropolitana de Salvador (RMS) e os municípios que compõem o Recôncavo Baia também tiveram um volume maior de venda, durante o feriado prolongado. Continuar lendo

Terminal rodoviário de Diamantina custará R$ 48 milhões

terminal rodoviárioA região do Alto Jequitinhonha vai receber uma das obras públicas mais caras das últimas décadas. O local irá abrigar a nova rodoviária de Diamantina. Assinado pelo governo estadual, o Termo de Cooperação Técnica viabilizará inventivos públicos e privados na ordem de R$ 48 milhões para a construção do novo complexo rodoviário da cidade. Para tirar o projeto do papel, o prefeito de Diamantina pretende contar com a Unidade Central de PPP da Secretaria do Estado de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais. Só depois de ter todos os laudos técnicos aprovados é que a prefeitura poderá abrir o edital de concorrência para execução da obra tão aguardada pela população. Continuar lendo

Rodoviárias de SP ampliam corporativo no feriado de Tiradentes

feriado tiradentesAlém dos três maiores e mais importantes terminais rodoviários da capital de São Paulo, as rodoviárias do interior do Estado também irão promover uma operação especial para atender o aumento no número de embarques, durante o feriado de Tiradentes. A ação faz parte de uma estratégia lançada pela Socicam, empresa que administra parte dos terminais rodoviários de São Paulo, e de outros Estados. O objetivo é reforçar o quadro de funcionários nos setores mais acionados quando o número de circulação de pessoas aumenta. As áreas da limpeza, manutenção, segurança e operação são algumas que trabalharão com número de efetivo redobrado. Continuar lendo

Rodoviária de Picos investe em segurança e sinalização

Sinalização na rodoviária de PicosO terminal rodoviário de Picos vai instalar novas câmeras de monitoramento e placas com informações uteis aos passageiros, assim que a segunda fase de expansão começar. Anunciada através de uma parceria que une o poder público e empresas interessadas na comercialização e operação do prédio, a obra garantirá aos usuários da rodoviária da cidade do Piauí a instalação de câmeras de segurança pelos corredores, novo letreiro na entrada, placas de sinalização e orientação, além de catracas no setor de embarque e desembarque do terminal. Essa já é a segunda vez em menos de um ano que o terminal rodoviário da cidade passa por melhorias. Continuar lendo

Rodoviária Novo Rio utilizará 2 mil ônibus extras na Páscoa

ônibus extra feriadoDurante a Semana Santa, a rodoviária Novo Rio deverá utilizar mais de 2 mil ônibus extras, para atender a uma demanda superior a 300 passageiros. A expectativa do Consórcio Novo Rio é manter a mesma intensidade de embarques registrados no ano passado. Mais cedo, o feriado de Páscoa de 2016 será comemorado no último domingo de março, movimentando o período entre os dias 24 e 28 do mês. Apesar de o fluxo ser grande, a média de passagens rodoviárias vendidas nesta data vem diminuindo nos últimos anos. Em 2014, o movimento nas catracas do maior terminal rodoviário do Rio de Janeiro foi cerca de 10% maior do que o ano seguinte. Na ocasião, a Semana Santa “colada” com o feriado de Tiradentes, garantiu dias mais longos distante do trabalho – motivo suficiente para não pensar duas vezes e cair na estrada. Continuar lendo

Rodoviária de Londrina aguarda 30 mil usuários na Semana Santa

viagem de ônibus na páscoaO Terminal Rodoviário José Garcia Villar (TRL) de Londrina, no Paraná, pode receber mais de 30 mil passageiros, durante a Semana Santa, que acontece entre os dias 24 e 28 de março. A expectativa da Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização de Londrina (CMTU-LD), administradora da rodoviária da cidade é de que o número seja alcançado com o fluxo entre embarques, desembarques e circulação de turistas pelos arredores do terminal. Para atender a demanda, a CMTU-LD pretende disponibilizar cerca de 300 ônibus extras. O maior número de embarques deverá acontecer entre a véspera da sexta-feira santa e o sábado de aleluia. Enquanto que as passagens de volta registrarão maior frequência entre o sábado (26) e a segunda (28). Continuar lendo