Rodoviária Caxias do Sul espera movimento intenso neste sábado

Dia 20 de setembro é comemorado feriado Farroupilha.

Dia 20 de setembro é comemorado feriado Farroupilha.

O próximo final de semana deve deixar a rodoviária Caxias do Sul agitada com o feriado Farroupilha, comemorado no dia 20 de setembro em todo o Estado do Rio Grande do Sul. As ruas da cidade e da capital também ganharão reforço na fiscalização do Detran-RS, Polícia Rodoviária Federal, polícias civil e militar e autoridades de trânsito municipais, a partir de sexta-feira (19). A mobilização chamada de Operação Viagem Segura está completando sua 32ª edição e deve minimizar os acidentes de trânsito na hora do embarque em terminais rodoviários do Estado. De 2007 pra cá, já foram registrados 6,2 mortes por dia, provocadas pelo feriado.

Dados fornecidos pela Polícia Rodoviária Federal garantem que mais da metade dos acidentes fatais ocorrem nas rodovias, um dia antes e depois do feriado acontecer. O maior fluxo de veículos e, portanto a concentração da maioria dos casos de mortes nos feriados, vem da BR-116, BR-285, BR-158, BR-101, RS-453 e BR-386. A boa notícia é que no ano passado, o número de ocorrências com vítimas no trânsito teve uma redução de 15% em comparação com o feriado comemorado em 2012. Em números, foram 28 mortes nos três dias de feriado no ano passado, contra 33 nos cinco dias do ano anterior. Com tanta gente indo e vindo, comprar as passagens rodoviárias com antecedência é fundamental para não começar o feriado do maior conflito armado do Brasil e marco da identidade gaúcha, com o pé esquerdo.

A concessionária que administra o terminal rodoviário de Caxias do Sul alerta para os riscos em dias de grande movimento nas plataformas e conscientiza os passageiros sobre as reservas antecipadas. É preciso ficar atendo com as crianças, chegar ao terminal com pelo menos uma hora de antecedência e evitar embarques em itinerários de grande fluxo. De acordo com o Detran-RS, nos últimos 31 anos em que a Operação Viagem Segura foi as ruas, foram fiscalizados mais de 2,9 milhões de veículos rodoviários e realizados 66 mil testes de etilômetro. A operação já flagrou 431 mil infrações, e fez mais de 9 mil autuações por embriaguez ao volante. Em todo esse período, 41 mil veículos e 11 mil carteiras e habilitação já foram apreendidas.