Nova rodoviária de Cuiabá trará inovação comercial

A Secretaria do Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra) do Mato Grosso assinou contrato com a Sinart – empresa responsável pela administração da rodoviária de Cuiabá e de outras 35 rodoviárias, para realizar melhorias na infraestrutura do prédio, na acessibilidade, na segurança e limpeza de onde os passageiros transitam diariamente. Desde o dia 16 de novembro, a Rodoviária Engenheiro Cássio Veiga de Sá, em Cuiabá vem sendo administrada por uma nova empresa, em caráter emergencial, para que os serviços oferecidos a unidade não sofram paralizações. O objetivo da reformulação é transformar o local em um centro comercial, integrando vários serviços aos usuários, para facilitar a vida de quem precisa acessar outros serviços e utiliza o terminal para se deslocar durante o período comercial ou em feriados. De acordo com planejamento do projeto com o nome de Rodoviária Shopping, serão instalados caixas eletrônicos de várias operadoras bancárias, novos restaurantes, lojas e até a instalação de uma unidade de Ganha Tempo. Outra melhoria prometida em papel é sobre a climatização da unidade e a disponibilidade de internet gratuita aos passageiros. O modelo deve ser parecido com o que já foi implantado na capital de Goiás, reunindo um verdadeiro centro de serviços, no local.

Rodoviária Shopping

Quem vencer a licitação para administrar a Rodoviária Shopping de Cuiabá terá autonomia pelos próximos 30 anos. No total, serão contratados oito seguranças privados, nos banheiros, a instalação de bebedouros, guichês com informações aos turistas, acessibilidade para pessoas com deficiências, obras de melhorias na infraestrutura da unidade e instalação do wi-fi. A Sinfra quer finalizar no primeiro semestre de 2018 a modelagem definitiva da concessão da rodoviária.

Antiga realidade

A antiga empresa Servert operava a rodoviária nos últimos 23 anos, sendo que há uma década estava sem contrato. Ou seja, dessa forma não vinha fazendo os investimentos necessários e previstos em contrato.