Carnaval movimentará R$ 977,9 milhões para o setor rodoviário

terminal rodoviárioOs terminais rodoviários do Rio de Janeiro, São Paulo, Salvador, Manaus e de outras capitais se beneficiarão de uma porção de aproximadamente R$ 980 milhões que devem ser gerados durante o feriado de Carnaval. As atividades turísticas ligadas a festa popular devem movimentar só neste ano mais de R$ 5,5 bilhões, segundo pesquisa divulgada pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC). Além do transporte que também contempla as operadoras de transporte, agências de viagens, transporte aéreo e locação de veículos, o faturamento é composto por gastos com alojamento, alimentação, turismo, esporte e lazer.

A pesquisa aponta que serviços de alimentação em bares e restaurantes vão responder por 57,3% da receita, o equivalente a R$ 3,31 bilhões. Com o setor de bares e restaurantes, os serviços podem ser responsáveis por mais de 85% de toda a receita gerada no período carnavalesco, considerado o maior feriado do calendário nacional. Apesar de a expectativa agradar a todos os setores, o volume de recursos movimentado no carnaval deste ano deve ser 5,7% menor do que o apurado no mesmo período do ano passado e o pior desempenho das atividades turísticas entre os últimos três anos.

Apesar da maior concentração desse recurso ser destinado ao Rio de Janeiro, o que deve equivaler a R$ 2,4 bilhões, dos R$ 3,31 bilhões previstos, o setor rodoviário vê o crescimento da demanda de forma democrática, já que São Paulo, Minas Gerais e três estados da região Nordeste, Bahia, Ceará e Pernambuco também estão na lista dos destinos mais procurados nesta época do ano. O eixo Rio-São Paulo deve concentrar 68,2% da receita do setor, durante o Carnaval. Vale ressaltar que apesar da tendência recente de uma menor variação dos preços dos serviços típicos nesta época do ano, a retração real da renda tem imposto a necessidade de ajustes frequentes no orçamento das famílias, através da postergação dos gastos não essenciais, como é o caso do lazer. Por isso, quem vai viajar neste época do ano, deve prepara o bolso, para gastar mais do que o ano passado.

Rodoviária Novo Rio pode bater recorde na Páscoa

rodoviária novo rioO Carnaval ainda não terminou, mas a rodoviária Novo Rio, no Rio de Janeiro só pensa na Páscoa. Se o terminal rodoviário repetir o fluxo de passageiros do ano passado, mais de 300 passageiros irão passar pelo local. Essa é a mesma estimativa que a concessionaria Novo Rio tem para o próximo feriado prolongado. O número de interessados nas viagens rodoviárias só perde para os foliões que desembarcam na capital carioca durante o Carnaval. Os municípios das regiões dos Lagos, Costa Verde e Serrana são os mais procurados nesta época do ano, segundo a empresa que administra a rodoviária do Rio de Janeiro. A capital fluminense também fica movimentada no domingo de Páscoa, quando mais de 40 mil passageiros retornam para a cidade, através dos serviços das auto viações interestaduais.

A ponte que liga a Região dos Lagos até Niterói é um dos trechos da cidade com maior fluxo rodoviário durante o domingo. De acordo com levantamento da administração, 500 mil veículos rodoviários trafegaram pelo local no ano passado. O trânsito também ficou intenso na Via Lagos, que liga a região metropolitana do Rio à Região dos Lagos, onde o ponto chegou a receber mais de 140 mil automóveis no final de semana.

O acesso às cidades vizinhas de Cabo Frio, Búzios, Arraial do Cabo e São Pedro da Aldeia também passa a ficar com fluxo intenso de veículos. Teve gente que pegou congestionamento para retornar ao Rio de Janeiro. No domingo, mais de 40 mil veículos devem se aglomeram rumo à cidade maravilhosa. Para a concessionária Concer, a BR-040, no trecho que liga o Rio às cidades mineiras, 400 mil veículos são aguardados durante o feriado.

Rodoviária do Rio de Janeiro ganha o primeiro quiosque da Fifa

Rodoviária do Rio de Janeiro foi escolhida para comercializar produtos oficiais da Copa do Mundo.

Rodoviária Novo Rio vende produtos da Copa do Mundo

A Rodoviária do Rio de Janeiro é a primeira a ganhar o quiosque de produtos licenciados pela Federação Internacional de Futebol (FIFA) para a Copa do Mundo 2014. O local, considerado o segundo maior terminal rodoviário de toda a América do Sul vai receber a loja temporariamente no corredor central da parte superior do prédio.
Foram os próprios os usuários, os responsáveis por trazer a novidade até a Rodoviária Novo Rio. Ela foi escolhida depois que a entidade futebolística realizou uma pesquisa.
De acordo com a empresa que administra o terminal, as novas instalações e o grande fluxo de pessoas foram fatores determinantes para a escolha de onde ia se instalar o quiosque. Passageiros garantem que as instalações são positivas e as obras de revitalização que começaram desde 2009 agradam a maioria. Continuar lendo